orixás jazz:

decoupage à matisse

segunda instalação na carreira, foram 2 salas apresentando os 16 orixás mais comumente culturados pelos povos oriundos da nação nagô em salvador, incluindo o terreiro do qual faço parte, o ilê axé opô afonjá.

uma composição em tons de azul.

curadoria: fernando marinho e 

texto crítico da dra goli guerreiro.